segunda-feira, 26 de junho de 2017

Dando adeus pro Avonex - Um novo começo!

Eitah que nem percebi o quanto me afastei daqui e não atualizei mais você que me seguiam, mesmo que poucos ^^  (a pessoa joga a bomba e some)puf

Então gente, como ta a vida de vocês? A minha tem sido uma loucura. É tratamento, marca, trabalhos externos, afilhada e to noiva!!! Hoje serão muitas emoções...

Vamos por partes... como vocês sabem em Março/2015 comecei um tratamento com Avonex, para regressão da Esclerose Múltipla, estava tudo indo bem, já tinha me acostumado a aplicar as injeções todo domingo a noite ( passei um bom tempo tomando segunda de manhã, mais me atrapalhava muito ). Mais em Março/2017, exatamente 2 anos apos o inicio do tratamento eu tive um surto novo com perda de sensibilidade do lado esquerdo do abdômen, com sorte pelo acompanhamento da INCRÍVEL Dra. Gabriela Jocá minha neurologista do HGF,  que me ensinou a reparar em mudanças que poderiam ser novos surtos, com 48hr fui examinada ( tempo normal para ver se passa ou não a sensação de dormência e alteração ), e em 3 dias já estava recebendo medicação via oral de corticoide para sessar o surto e recuperar sensibilidade! 

Duas semanas depois estava recuperada e tudo normalizado, mais para fazer esse tratamento eu tive que fazer uma nova ressonância da coluna, só tinha feito uma que foi logo que descobri a doença em nov/2014, e podem me chamar de louca mais na segunda ainda sentindo a dormência e reações do Avonex aplicado um dia antes, eu entrei naquela maquina sabendo que aquilo era sim um surto novo, que não, não era noia minha aquele toque diferente que sentia no meu corpo e sai de lá com a certeza que quando fosse para consulta, eu estaria dando adeus ao AVONEX! 

E foi, assim que recebi o laudo, tinha lá, infecção na coluna, com conclusão de um novo surto da Esclerose. Não posso mentir que fiquei ansiosa, porque sempre tive uma data pro Avonex ir embora, em 5 anos sem surto eu daria adeus e não precisaria mais de 6 em 6 meses ir no HGF, fazer exames, tomas 4 injeções mensais, e todas outras coisinhas chatas para checar os índices. Mais Deus só da a cruz que podemos carregar, ele nos mostra coisas que é para aprendermos que não podemos nos achar poderosos, somos humanos e falhamos, em alguma parte do tratamento eu falhei e abriu a porta para esse novo surto.

Ontem dia 25/06/2017 iniciei meu novo tratamento com Rebif 44, agora serão 3 aplicações semanais, sub-cutâneas, bem menos dolorido, não senti tanto as reações nessa primeira dosagem, não tive febre, dor de cabeça muito leve, nada que não consegui-se aguentar sem remédio e dor articular, essa sim chata, pois pega mesmo no joelho e por conta da maldita Chikungunya  que peguei em Dez/2016 não tem posição que aquete a dor.

Ah que alivio poder dividir isso, mesmo que ninguém leia tudo ou comente, quero poder achar outras meninas que estejam convivendo com esse medicamento, dividir opiniões, modos que cada uma usa para não sentir as reações. 

Beijos e quem sabe eu volto para falar do noivado ^^ 

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Adoro saber suas opiniões. Elas são super importantes para o andamento do blog!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...